SOBRE

O Sistema de Gerenciamento de Rebanhos (SGR) é um software em rede que permite o registro, armazenamento e gerenciamento das informações geradas em rebanhos de caprinos e ovinos. O software permite gerenciar informações de rebanhos de corte, leiteiros ou de dupla aptidão. Originalmente ele foi desenvolvido como parte de um pacote completo para coordenação, gerenciamento e controle de informações utilizadas por programas de melhoramento para caprinos e ovinos.

Atualmente o sistema atende aos seguintes projetos de escrituração e seleção de rebanhos: Programa de Melhoramento Genético de Caprinos e Ovinos de Corte (GENECOC), Programa de Melhoramento Genético de Caprinos Leiteiros (CAPRAGENE), Programa de Melhoramento Genético de Ovinos Leiteiros (OVISLEITE), Data Recording and Management System (DREMS) e Meat Goats Genetic Evaluation System (MGGES). Os três primeiros são coordenados pela Embrapa Caprinos e Ovinos e assistem rebanhos brasileiros. O sistema DREMS consiste em uma parceria entre esta última instituição e o International Center for Agricultural Research in the Dry Areas (ICARDA), para controlar rebanhos assistidos pelo ICARDA na África e Ásia, enquanto o MGGES, coordenado pela Tennessee State University e Alabama Cooperative Extension System da Alabama A&M and Auburn Universities, em parceria com a Embrapa Caprinos e Ovinos, assistem rebanhos nos Estados Unidos da América.

Sempre houve confusão entre os usuários do SGR entre o software propriamente dito e os programas de melhoramento. É importante destacar que o aplicativo é parte destes programas e os mesmos são muito mais complexos e envolvem muitas outras ações e objetivos, para promover o melhoramento das populações animais sob controle. Por outro lado, muitos usuários impossibilitados de participar de programas de melhoramento questionavam a necessidade de um software para gerenciamento de seus rebanhos, de forma a auxiliá-los no dia a dia em suas propriedades. Assim, o uso do SGR foi liberado para criadores que desejem utilizá-lo para gerenciamento de seus rebanhos, mas que não participam dos programas de melhoramento supracitados.

Gestão

Realize a gestão zootécnica e aumente a eficiência de seleção de seu rebanho.

Acesso Livre

O SGR foi desenvolvido com uso de softwares livres, possui acesso gratuito e pode ser usado por criadores, técnicos e extensionistas rurais.

Integrado

O uso do SGR pode estar integrado a um programa de melhoramento e pode aumentar a eficiência de seleção de seu rebanho.

Conectividade

Acesse, registre e gerencie as informações de seu rebanho a partir de qualquer computador ou dispositivo com conexão à Internet.


Características

A principal característica do SGR é a possibilidade de uso em qualquer
sistema de produção, em qualquer tipo de ambiente e para qualquer
objetivo de exploração (carne, leite ou dupla aptidão).

Registro e Consulta

Os dados de produção, reprodução e sanitários são registrados, armazenados e consultados de forma segura e confiável.

Rastreabilidade

Histórico dos animais e da atividade produtiva disponibilizados precisamente em tempo real.

Relatórios

Gerenciamento da produção e tomada de decisões guiados por informações acompanhadas por estatísticas descritivas.

Seleção

Integrado a programas de melhoramento, possui ferramentas para construção de índices de seleção, direcionamento de acasalamentos que maximizam o ganho genético e controlam a endogamia, etc.

Perguntas e Respostas

Lista das perguntas mais frequentemente feitas pelos usuários do SGR.



 

 

Sobre o Sistema

O que é o SGR?

O SGR é um software em rede que permite o registro, o armazenamento e o gerenciamento das informações geradas em rebanhos de caprinos e ovinos, aplicável para qualquer sistema de produção (corte, leite ou dupla aptidão).

Como utilizar o SGR?

A Embrapa disponibiliza gratuitamente o sistema diretamente em seu sítio web, no endereço http://srvgen.cnpc.embrapa.br/sgr, não sendo necessário seu download ou instalação local. Antes do uso, é importante ler seus Termos de Uso e também seu Manual de Usuário.

Existe uma versão de demonstração do software?

Não existe uma versão de demonstração do SGR. A Embrapa o disponibiliza para uso gratuito diretamente em seu sítio web, sendo acessível no endereço http://srvgen.cnpc.embrapa.br/sgr. Não é necessário seu download ou instalação local.

Como fazer download do SGR?

Não é necessário fazer download ou instalação local do sistema. Ele é disponibilizado diretamente no endereço Internet http://srvgen.cnpc.embrapa.br/sgr

Existe alguma versão off-line do sistema?

Não. Até o momento o SGR somente é acessível por meio da Internet. O que pode ser feito é coletar os dados da fazenda em formulários impressos pelo próprio sistema e depois digitá-los em uma localidade com Internet. Entretanto, em breve esperamos lançar um aplicativo complementar para registro de informações off-line para posterior upload no sistema, em local com acesso a Internet.

As atualizações do sistema são automáticas?

O SGR é um software de uso pela Web (on-line), assim qualquer atualização realizada automaticamente estará disponível.

O SGR tem algum custo?

O simples uso do sistema é gratuito, e está acessível diretamente no sítio web da Embrapa Caprinos e Ovinos, no endereço http://srvgen.cnpc.embrapa.br/sgr. Por outro lado, se o criador deseja participar de um dos programas de melhoramento e ampliar as vantagens disso, deve se associar aos grupos participantes. Neste caso, existem custos de participação destes grupos nos programas de melhoramento. Aos criadores que participam dos programas de melhoramento, o sistema se torna mais amplo e vantajoso, porque conta com as ferramentas auxiliares à seleção. Se o criador não participa de nenhum dos programas de melhoramento e deseja proceder avaliações genéticas de seu rebanho para utilizar as ferramentas de seleção, ele deve procurar a equipe do SGR para ver a disponibilidade de realização deste serviço, que possui custo.

Existe algum treinamento ou suporte técnico para uso do SGR?

A disponibilidade de suporte técnico e treinamentos de uso deve ser verificada com a equipe do SGR, na Embrapa Caprinos e Ovinos. Estes serviços possuem custos que podem variar de acordo com a situação.

Durante quanto tempo o sistema permanecerá disponível?

Não há intenção de se interromper o funcionamento do sistema, pelo contrário ampliar suas funcionalidades. Assim, o usuário não deve se preocupar com uma eventual descontinuidade do sistema. Por outro lado, a Embrapa não possui qualquer obrigação legal para manutenção do sistema.

O SGR também faz análise nutricional?

Não. O SGR não realiza análise nutricional nem faz o cálculo de dietas. Entretanto, a Embrapa Caprinos e Ovinos possui equipe competente na área e a disponibilidade do serviço pode ser consultada em seu sítio Web https://www.embrapa.br/caprinos-e-ovinos/

Existe algum manual de usuário?

O Manual de Usuários pode ser acessado diretamente no Menu do sistema ou diretamente no endereço
http://srvgen.cnpc.embrapa.br/arquivos/SGRPortugues.pdf

Existe alguma forma de fazer backup dos dados do SGR?

O backup dos dados e do sistema é feito diariamente pela própria Embrapa por meio de mecanismo automatizado.

Cadastro Inicial

Ao fazer meu cadastro já tenho acesso ao sistema?

Sim, logo após o registro de seu login e senha, você já tem acesso ao sistema.

Tenho que fazer um cadastro para cada propriedade que vou registrar?

Não. É possível registrar várias propriedades em um mesmo cadastro. No momento do cadastro se pode definir as distintas propriedades. Entretanto, caso as propriedades forem contíguas, no mesmo município, recomenda-se cadastrar uma única propriedade e cada uma das fazendas como distintos retiros.

O que seria retiro?

Cadastra-se como retiro distintas áreas de uma propriedade, que possuam características ambientais distintas, ou distintas fazendas de um mesmo proprietário.

Qual a importância de cadastrar retiros, pastagens e sistemas de manejo em uma propriedade?

Estes registros podem facilitar a gestão dos animais na fazenda, como também auxiliam na avaliação genética, pois permite identificar os animais que estão sob distintos ambientes e manejos, o que contribui para melhor separação dos efeitos genéticos e ambientais, e uma comparação mais justa entre os animais.

Cadastro dos Animais

Como identificar os meus animais?

Como o sistema não permite o registro de animais diferentes com um mesmo código é necessário possuir um sistema de identificação. O sistema permite o registro do código do animal, que é a identicação única que jamais poderá ser repetida, do brinco, do registro (caso seja animal registrado em associação) e identificação eletrônica. Recomenda-se para identicar os animais, utilizar pelo menos dois sistemas de identicação ao mesmo tempo, por exemplo, brinco e tatuagem. A tatuagem pode ser feita na virilha do animal. Esse procedimento aumentará a segurança na identicação dos animais. Se o brinco for perdido, poderá se saber qual o código pela tatuagem

Como iniciar o cadastro de meus animais?

Imprima a ficha de cadastro inicial localizada no Menu Fichas de Coleta - Cadastro Inicial. Nesta ficha anotar e identicar todos os animais da propriedade por código, brinco ou plaqueta, número de registro (se animal registrado em Associação de Raça), categoria (cria, recria, matriz, reprodutor etc.), sexo, pai, mãe, peso, etc. Após obter todas as informações do rebanho, realiza-se a inclusão destes dados no sistema.

Existe alguma estratégia para registro dos animais?

Os reprodutores e as matrizes que são pais e mães de animais de seu rebanho devem ser registrados primeiro, assim como sêmen. Assim, no registro dos animais mais jovens, o sistema já terá o registro de seus pais. Ou seja, sempre começar o registro dos animais mais velhos para os mais novos. Caso o pai e/ou a mãe de um animal não façam parte de seu rebanho, os mesmos devem ser cadastrados como animais externos.

Que são animais internos e animais externos?

Animais internos são aqueles que fazem parte de seu rebanho e estão fisicamente na propriedade. Animais externos são aqueles que não fazem parte do rebanho, mas são pais ou mães de animais de seu rebanho e devem ser cadastrados para compor o pedigree de todo rebanho.

Adquiri um animal do qual não conheço pai e mãe. Como registrá-lo?

Nestes casos, deixar os campos de pai e mãe vazios.

Como excluir um animal?

Somente é possível excluir um animal quando não há mais registros associados a ele no sistema, como, por exemplo, filhos, coberturas, partos, etc.

Controle Reprodutivo, Produtivo e Sanitário

Qual é a estratégia para lançamentos dos registros reprodutivos, produtivos e sanitários?

Os registros devem obedecer a ordem cronológica que aconteceram, ou seja, primeiro registra-se a cobertura para depois registrar o parto e na sequencia os controles leiteiros até registrar o encerramento da lactação. Da mesma forma as pesagens e ocorrências sanitárias, na ordem em que ocorreram.

Como fazer o registro de uma ocorrênica ocorrida antes de outra que já foi registrada?

O SGR permite o estorno de ocorrências para os casos de erros de digitação ou reordenação de registros. Isso é feito no Menu Ocorrências - Estorno de Ocorrências. O sistema permite o estorno da última ocorrência registrada. Assim, para digitar um registro anterior ao que já foi registrado, basta estornar este último. Caso tenha sido registrado mais de uma ocorrência depois da que se pretende inserir, é necessário estornar todas até chegar onde se deseja. Depois, deve-se registrar novamente as que foram estornadas.

O SGR permite o uso de estações de monta?

Sim. O controle de cobertura é fundamental para o desempenho do sistema. O SGR permite três tipos de situação:
1) Estação de monta sem controle de cobertura; neste caso registrar como data de cobertura a data de início da estação de monta;
2) Estação de monta com controle de cobertura; neste caso registrar a data exata da cobertura, que deve estar dentro do período de estação de monta cadastrado previamente;
3) Cobertura controlada sem estação de monta; para rebanhos que não usam estação de monta.

Como proceder quando desconheço a identificação do reprodutor que cobriu determinada fêmea?

O sistema permite que no momento do registro da cobertura, o campo para identificação de reprodutor fique vazio. Ressalta-se que o SGR permite o registro de uso de múltiplos reprodutores. Assim, para rebanhos que não fazem controle de cobertura, mas separam fêmeas por grupo de reprodutores, é possível registrar estes grupos no Menu Rebanho - Grupo de Reprodutores. Uma vez cadastrados, é possível atribuir estes grupos no campo para identificação de reprodutor, no momento do registro de coberturas.

É obrigatório fazer diagnóstico de gestação?

O sistema muda a categoria em que um animal está a medida que são registradas as informações. Assim, após registrar a cobertura de uma matriz ela passa para categoria de coberta; quando se dá o diagnóstico de gestação ela passa a ser gestante, e assim por diante. O diagnóstico de gestação é importante para liberar o registro de parto de um animal ou torná-lo apto a se registrar novo cadastro de cobertura. Se a propriedade não faz diagnóstico de gestação aguarde ocorrer o parto dos animais e antes de registrá-lo faça o diagnóstico de gestação, ou se perceber que o animal não ficou prenhe com a cobertura, registre o diagnótico negativo. Verifique periodicamente o sistema em busca de animais que não ficaram prenhes (que já deveriam ter parido) para dar o diagnóstico negativo.

Como registrar o início de uma lactação?

As lactações no sistema SGR são automaticamente iniciadas quando há o registro do parto.

É necessário informar o tipo de pesagem?

Se o animal possui data de nascimento, o SGR calcula sua idade no momento em que ocorreram as ocorrências. Assim, além da data de pesagem é importante registrar que tipo de pesagem é esta. Os tipos de pesagens disponíveis são nascimento, prédesmama, desmama, pósdesmama (até 330 dias), um ano de idade (entre 330 e 395 dias de idade), adulto (após 395), peso de abate ou venda do animal e peso da matriz ao desmame das crias. Esse tipo de registro é importante para se conhecer a natureza de cada tipo de pesagem, no momento da avaliação genética e padronizar os tipos de ocorrências, uma vez que distintos rebanhos executam alguns manejos com idades distintas. Por exemplo, um criador pode desmamar seus animais com 90 dias de idade, outro com 112 dias, etc. Entretanto, apesar de ser em idades distintas, o evento é o mesmo: demama.

Porque o SGR não apresenta exames, medicamentos, etc, já cadastrados ?

O SGR é utilizado em diversos sistemas de produção e até mesmo em diferentes países. Assim, haveria um grande número de informações a serem registradas, com diferenças de nomenclatura, etc. Assim, o sistema de cadastro de informações sanitárias pode ser personalizado para cada região e sistema de produção.

Ferramentas para Seleção

Que ferramentas de seleção estão disponíveis no SGR?

O SGR permite a geração de arquivos textos, padronizados, para uso em softwares de avaliação genética, e permite o upload de DEPs no sistema, após a realização destas avaliações. O sistema possui uma interface para ordenamento e seleção de animais com base em índices de seleção, sendo estes índices ponderados por pesos econômicos ou ponderadores percentuais. Também estima a endogamia média do rebanho e apresenta a lista de animais endogâmicos. Por fim, possui uma ferramenta para indicação de acasalamentos que maximizam o ganho genético e controlam a endogamia, a partir do uso de índices de seleção e limites de restrição para a máxima endogamia permitida para o rebanho e para determinado acasalamento, por exemplo, evitando acasalamento entre pais e filhos. Entretanto, para usuários que não participam de programas de melhoramento, apenas a ferramenta de estimativa de endogamia está disponível.

Se não participo dos programas de melhoramento mas quero usar as ferramentas de seleção, o que devo fazer?

O desenvolvimento de uma cadeia produtiva passa pela integração de seus elos, incluindo os criadores. A produção de caprinos e ovinos no Brasil, necessita de maior integração de seus produtores e o melhoramento genético dessas populações precisa de avaliações genéticas com a participação de muitos rebanhos. Por isso, a Embrapa caprinos e Ovinos, por meio do SGR, desestimula a prática de avaliações isoladas. De qualquer forma, se o criador que não faz parte de um dos programas de melhoramento deseja usar estas ferramentas, ele deve consultar a disponibilidade e contratar o serviço de avaliação genética.

Quanto custa o serviço de avaliaço genética?

Este custo é variável e depende do número de características, volume de dados, complexidade do modelo de análise, etc.

Posso contratar um serviço de avaliaço genética realizado por terceiros, que não da Embrapa?

Sim, de qualquer forma será necessário contratar com a Embrapa Caprinos e Ovinos, o serviço de disponibilização dos dados, de forma padronizada, em arquivos texto, e de inserção das DEPs no sistema.

CONTATO

Em caso de dúvida, sugestão ou crítica,
entre em contato com a equipe do SGR.

cnpc.sgr@embrapa.br

ACESSO AO SISTEMA